Bolsas

Câmbio

Marisa Letícia permanece na UTI, mas quadro é estável, diz hospital

A ex-primeira-dama Marisa Letícia, esposa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, permanece em coma induzido depois de ter sofrido um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico na terça-feira. Marisa está na UTI, sem previsão de alta, mas seu quadro clínico é estável, segundo boletim médico divulgado no início da tarde desta quinta-feira.

O informe médico diz ainda que a pressão intracraniana da ex-primeira-dama está controlada.

Internada desde terça-feira, a esposa de Lula está sedada e respira com a ajuda de aparelhos.

Ontem, Marisa Letícia passou por um novo procedimento, para monitorar a pressão do crânio. A ex-primeira-dama fez uma tomografia e, depois do exame, os médicos decidiram passar um cateter ventricular para monitorar a pressão intracraniana.

A ex-primeira-fama teve um pico de pressão arterial na manhã de terça-feira, de 23x12, e um aneurisma cerebral, que tinha há cerca de dez anos, se rompeu.

Marisa Letícia foi atendida primeiramente no hospital Assunção, em São Bernardo do Campo, perto de sua casa, e depois foi transferida para o Sírio-Libanês. Marisa Letícia chegou consciente ao hospital e no mesmo dia, foi submetida a uma arteriografia, para estancar a hemorragia no cérebro.

Lula acompanha no hospital, junto com familiares, a recuperação de sua mulher.

O médico da família, Roberto Kalil Filho, disse ontem que, do ponto de vista clínico, o quadro de Marisa Letícia é estável. Os médicos devem ter um diagnóstico mais definido sobre o quadro neurológico nas próximas horas.

A ex-primeira-dama tem 66 anos e está casada com Lula desde 1974. O casal tem quatro filhos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos