Bolsas

Câmbio

Oi confirma reunião dia 1º para discutir alternativas à recuperação

A empresa de telecomunicações Oi confirmou que, em reunião ordinária do conselho de administração, no dia 1º de fevereiro, poderá discutir alternativas ao seu plano de recuperação judicial, recebidas de credores e potenciais investidores, como o Elliot.

A informação foi dada à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em resposta a ofício de esclarecimento sobre notícia publicada pelo Valor na sexta-feira (27).

O Valor adiantou que o conselho de administração da companhia pode avaliar na quarta-feira duas novidades: a segunda proposta do fundo de investimento americano Elliott e o plano revisado de recuperação judicial, que terá como principal modificação a estrutura de conversão de dívida em capital.

A companhia esclareceu que a "administração vem se reunindo regularmente com credores, demais stakeholders e potenciais investidores, inclusive com o fundo de investimento mencionado na notícia [Elliot], com vistas a reunir impressões, comentários e sugestões de melhoria ao plano de recuperação judicial". Segundo a empresa, "uma das alternativas preliminares suscitadas seria a entrega imediata de ações aos credores, em condições que ainda não foram definidas".

Segundo a Oi, ainda não há decisão definitiva sobre qualquer alteração ao plano de recuperação apresentado em 5 de setembro. "Ainda é prematura qualquer afirmação a respeito de eventuais impactos resultantes do plano."

Na sexta-feira a ação preferencial da Oi disparou 18,2%, para R$ 3,12. A ação ordinária subiu 10,4%, para R$ 3,70. Segundo a empresa, as notícias sobre potenciais mudanças no plano de recuperação judicial podem ter justificado a alta.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos