Psol quer investigar Serraglio e criar CPI para "Carne Fraca"

O Psol apresentará representação no Ministério Público Federal (MPF) contra o ministro da Justiça, Osmar Serraglio (PMDB), para que seja apurado possível tráfico de influência em esquema de corrupção no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), investigado na Operação Carne Fraca, da Polícia Federal.


O partido também pedirá investigação sobre suposto favorecimento a partidos políticos nesse esquema e que tentará coletar assinaturas para instalação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) - que precisa do apoio de no mínimo 171 deputados.


A operação investiga suposto esquema entre grandes frigoríficos e funcionários do Ministério da Agricultura para liberar a venda de carne vencida e até com produtos cancerígenos. O ministro da Justiça foi pego em uma conversa tentando obter informações sobre um dos frigoríficos. Ele nega irregularidades.


Segundo o Psol, a representação ao MPF visa que a Procuradoria Geral da República (PGR) inicie imediatamente a investigação contra o ministro, por ter foro privilegiado. Para o partido, o ministro pode ter incorrido em tráfico de influência.


"O grande esquema criminoso envolvendo fiscais agropecuários, grandes empresas alimentícias com atuação nacional, partidos políticos e até um ministro configura mais um dos inúmeros escândalos de corrupção desse governo ilegítimo e precisa ser investigado a fundo para que cesse o sério dano à saúde das pessoas", informou o partido em nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos