PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Profarma aumenta prejuízo em mais de 5 vezes no quarto trimestre

23/03/2017 21h21

A Profarma, atuante na área de distribuição e varejo farmacêuticos, aumentou seu prejuízo em mais de cinco vezes no quarto trimestre de 2016, passando de R$ 7,3 milhões para R$ 38,6 milhões.


Segundo a empresa, o resultado foi impactado por despesas operacionais não recorrentes, como a aquisição da Rede Rosário, os gastos tributários com fechamento e reformas de lojas e com aumento de capital. Excluindo esses fatores, o prejuízo seria de R$ 18,8 milhões no período, informou.


A companhia ressaltou também que a aquisição da Rede Rosário em novembro de 2016, ainda no estágio inicial de recuperação, gerou um resultado negativo de R$ 9,8 milhões.


Na mesma base de comparação, a receita líquida da Profarma subiu 26,2%, para R$ 1 bilhão. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização caiu 23,5%, para R$ 13,8 milhões, no último trimestre do ano.