PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Juros futuros de curto prazo recuam com foco na trajetória da Selic

29/03/2017 10h32

Os juros futuros de prazos mais curtos apontam para baixo diante de discussões sobre a trajetória da Selic. Um dia antes da divulgação do Relatório Trimestral de Inflação (RTI), a curva de contratos de Depósitos Interfinanceiros (DIs) já indica probabilidade majoritária de corte de 1 ponto percentual na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).


Às 10h26, o DI julho de 2017 apontava 10,970%, de 11,005% no ajuste anterior, tendo tocado mínima em 10,955%. Já o DI janeiro de 2018 marcava 9,835%, ante 9,850% no ajuste anterior, com mínima em 9,795%.


Entre outros vencimentos, o DI janeiro de 2019 estava em 9,460%, estável ante o ajuste anterior, e o DI janeiro de 2021 marcava 9,920%, também igual ao ajuste anterior.