Consumo de combustíveis cai 6,2% em fevereiro, informa ANP

O consumo de combustíveis, no Brasil, caiu 6,2% em fevereiro, ante igual período do ano passado, e acumula retração de 3,6% no ano. Segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), as vendas totalizaram 10,116 bilhões de litros no mês passado.


Depois de começar o ano em alta, a comercialização de diesel recuou 5,8% em fevereiro, na comparação anual, para 4,036 bilhões de litros. No primeiro bimestre, a queda acumulada é de 2,8%.


Já o consumo de gasolina totalizou 3,546 bilhões de litros, o que representa um aumento de 2,4% ante fevereiro de 2016. No acumulado do ano, a alta de 7,1%. O crescimento nas vendas do combustível tem deslocado, em parte, o consumo de etanol hidratado, que caiu 24,1% em fevereiro (865 milhões de litros) e acumula uma retração de 25,7% no ano.


O aumento da comercialização de gasolina ajuda, ainda, a sustentar a recuperação do mercado chamado Ciclo Otto (veículos leves que consomem gasolina, etanol ou ambos), tradicionalmente atrelado ao comportamento da renda das famílias. Quando somada à comercialização total de gasolina e hidratado, considerando a equivalência energética dos produtos, o consumo do ciclo Otto acumulou alta de 0,7% no primeiro bimestre.


Ainda segundo os dados da ANP, o consumo de gás liquefeito de petróleo (GLP) caiu 5,3% em fevereiro - no ano, a queda é de 2,1%. No mês passado, houve retrações, ainda, nas vendas de óleo combustível (-37%); querosene de aviação (-11,5%); gasolina de aviação (-6,9%); e querosene de iluminação (-32%).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos