Telecom Italia amplia receitas no primeiro trimestre

A Telecom Italia, controladora da empresa de telecomunicações TIM Brasil, registrou receitas de 4,8 bilhões de euros no primeiro trimestre, um aumento de 8,5% em relação a igual período de 2016. O resultado consolidado é o melhor desde 2012.


O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) do grupo somou 2 bilhões de euros de janeiro a março, alta de 16,2% em bases anuais. A empresa não informou o lucro líquido.


A operação na Itália registrou receitas de 3,6 bilhões de euros, alta de 2,8%, e Ebitda de 1,6 bilhão de euros, aumento de 11% em comparação a um ano antes.


As receitas de serviços na Itália encerraram o trimestre estáveis e devem voltar a crescer no segundo trimestre, segundo Flavio Cattaneo, presidente-executivo da Telecom Italia. "Acelerando a ultra banda larga, renovando nossa estratégia comercial e gerindo custos com disciplina, conseguimos, em um ano, retornar todos os principais indicadores ao crescimento, tanto na Itália quanto no Brasil", disse o executivo, em nota que acompanha o balanço.


No Brasil, a tendência é de recuperação, diz a companhia, com crescimento de receita (2,5%), para 1,2 bilhão de euros, e de Ebitda (12,6%), a 400 milhões de euros, após 13 trimestres de queda.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos