César Alierta deixa o conselho de administração Telefónica

O executivo César Alierta renunciou nesta quinta-feira à posição de membro do conselho de administração da Telefónica S.A. ? controladora da Vivo no Brasil ?, durante reunião do colegiado, segundo comunicado da companhia. Alierta foi presidente-executivo da Telefónica desde 2000, deixando o cargo em 2016, quando foi sucedido por José María Álvarez-Pallete.


Outros dois membros do conselho também apresentaram renúncia hoje: Gonzalo Hinojosa Férnandez de Angulo, ex-presidente da Cortefiel, e Pablo Isla Álvarez de Tejera, presidente da Inditex. O colegiado informou que estava reduzindo o número de membros.


O conselho também submeteu à aprovação dos acionistas a reeleição de Álvarez-Pallete como presidente-executivo, para o período de quatro anos, mediante parecer favorável prévio da comissão de governança corporativa. Também foi reeleito por igual período, Ignacio Moreno Martínez, como diretor.


A companhia convocou uma assembleia anual de acionistas, a ser realizada em Madri, no dia 8 de junho, e uma segunda chamada em 9 de junho, se não houver quórum no primeiro encontro.


O colegiado indicou como conselheiros independentes Carmen García de Andrés e Francisco José Riberas Mera, como propôs a comissão de nomeação do comitê de governança corporativa. Carmen e Mera também foram confirmados como diretores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos