Bolsas

Câmbio

BC vai baixar os juros até onde for possível, nota Meirelles

O Banco Central (BC) vai reduzir a taxa básica de juros, a Selic, "até onde for possível", conforme as condições atuais da economia, observou o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. "Onde exatamente o BC vai chegar? Vamos aguardar. Eles vão tomar a decisão certa" disse em entrevista à rede EBC de rádio, em resposta à questionamento sobre o tema.


Segundo Meirelles, que comandou o BC no governo Luiz Inácio Lula da Silva, o juro tem que ser suficiente para derrubar a inflação. Para baixar ainda mais os juros, o ministro apontou que o governo tem de cortar a expansão dos gastos. "Esse é o caminho fundamental para termos juros e inflação menores."


O importante, notou ele, é que, em 2018, 2019 e 2021, a taxa de juros tenha condição de ser cada vez menor, com a inflação na meta.


Meirelles voltou a reforçar que a economia brasileira saiu do fundo do poço. "Já estamos crescendo", afirmou, notando que ocrescimento decorre do controle de gastos e corte de despesas, que, por sua vez, fez com que a confiança no país fosse restabelecida.


"O Brasil já cresceu no primeiro trimestre e vai crescer de maneira muito forte neste. Vamos entrar 2018 crescendo 3%. Precisamos dizer ao povo uma verdade muito forte. Vivemos no Brasil a maior recessão de sua história, 14 milhões de desempregados é muita gente. É uma barbaridade. Mas o Brasil voltou a crescer e a redução do desemprego é uma questão de tempo", disse.


O ministro notou que o governo atual não pode ser culpado pelo desemprego elevado, provocado, segundo ele, pelo descontrole do governo anterior e políticas econômicas equivocadas. "O governo brasileiro durante os últimos anos gastou excessivamente. Como consequência, a dívida pública subiu de forma descontrolada, gerando desconfiança. O investimento caiu, as empresas começaram a demitir e isso levou a economia para baixo", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos