Bolsas

Câmbio

Meirelles fala em consenso de que política econômica vai continuar

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta terça-feira que há consenso sobre a política econômica necessária ao país e que ela não será alterada. "Existe um consenso de que essa política econômica vai continuar", disse o ministro em referência indireta à crise política. Ele participa do seminário "Financiamento e Garantias para Infraestrutura", organizado pela Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib), em São Paulo,


O ministro iniciou sua fala dizendo país viveu "momentos diferentes, com circunstâncias econômicas e políticas diferentes", mas que agora "já está em trajetória de crescimento, já cresceu".


"A mensagem que coloquei ontem para investidores, mais de mil, de maneira muito clara foi essa: existem dúvidas na cabeça de vocês de que a política econômica vai continuar?", disse. Ontem, o ministro participou de duas conferências por telefones com investidores.


No Brasil, segundo ele, "a crise política gera crise econômica quando ela gera incerteza sobre a política econômica do futuro". Ele citou os anos de 2002, quando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi eleito, e de 2005, quando houve o chamado mensalão, como exemplos de crises políticas que não afetaram a economia.


Meirelles ainda ressaltou que o país está em "condições diferentes daquelas que tinha há um ano", com a aprovação do teto de gastos, lei de governança das estatais e mudanças no setor de óleo e gás, além da queda da inflação e corte dos juros e recuo no endividamento do setor privado. Por isso, garantiu, o Brasil "está em condições para sustentar esse crescimento", em referência à alta esperada da atividade para o primeiro trimestre deste ano.


Ao afirmar que a agenda de reformas continuaria, Meirelles foi aplaudido pelos empresários presentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos