Bolsas

Câmbio

Investidor aproveita pechinchas e Ibovespa sobe com ajuda do Fed

Em um movimento de compra de ações que ficaram baratas, o Ibovespa chegou a flertar com os 64 mil pontos no pregão de hoje, mas encerrou o dia aos 63.257 pontos, alta de 0,95%. O giro financeiro ficou em R$ 7,4 bilhões. Pesou ainda a divulgação da ata do Fed, que reforçou que o BC americano fará aumento de juros de maneira gradual. Apesar da movimentação das centrais sindicais em Brasília, os investidores que continuam apostando na aprovação das reformas estruturais.


Desde o início da crise política, o Ibovespa, que estava ao redor dos 69 mil pontos, recuou para perto dos 61 mil pontos e abriu oportunidades de compra de papéis que ficaram baratos, principalmente por parte dos investidores estrangeiros. "Agora, como o índice já recuperou parte das perdas e quase retomou os 64 mil pontos o mercado espera novas notícias para testar um novo patamar", diz um operador.


Na segunda-feira passada, os investidores estrangeiros colocaram R$ 698,304 milhões na bolsa de valores, o maior valor desde 14 de março, quando foi aplicado R$ 1,619 bilhão. O volume de compras de ações pelos investidores de fora reforça que, enquanto os locais entraram em pânico com o aprofundamento da crise institucional no país, os estrangeiros aproveitaram para caçar pechinchas e reforçar as carteiras.


Nos últimos dias, os gestores têm participado de reuniões com analistas políticos para tentar entender a situação política atual. Nos encontros, a percepção é de que, neste momento, a melhor opção seria a substituição do presidente Michel Temer por alguém próximo ao Congresso, sem passar por um processo de impeachment. "Para o mercado interessa saber se as reformas serão votadas e por isso alguém ligado ao Congresso poderia ser uma boa opção", diz um operador.


Ontem, após confusão no Congresso, o presidente da CAE (Comissão de Assuntos Econômicos), Tasso Jereissatti (PSDB-CE), deu como lido o relatório elaborado por Ricardo Ferraço (PSDB-ES) sobre a reforma trabalhista. Permanecendo a decisão, o texto poderá ser votado já na próxima sessão da CAE, na semana que vem.


Hoje, o Ibovespa também ganhou fôlego após a divulgação da ata do Fed, o banco central americano. O documento confirmou mais uma vez as expectativas de que a autoridade monetária elevará os juros nos Estados Unidos de maneira gradual. A expectativa dos investidores é de que os juros sejam aumentados para o intervalo entre 1,25% e 1,5% ao ano na próxima reunião.


Entre as ações mais negociadas, os destaques de alta ficaram com os papéis PNB da Eletrobras, que subiram 7,83%, a maior alta do dia. A CGTEE, subsidiária da Eletrobras responsável pela operação de usinas termelétricas movidas a carvão no Sul, lançou um plano de demissão voluntária. Na segunda-feira, a Eletrobras já havia lançado um plano de aposentadoria, que pode atingir 4.607 empregados. As ações ordinárias da empresa tiveram alta de 6,66%.


Os papéis do sistema financeiro também operavam com forte alta. Segundo operadores, um dos motivos pode ser o fato de a JBS ter anunciado que irá vender ativos. Eles receavam que diante da crise a empresa pudesse não honrar os compromissos financeiros. As ações do Banco do Brasil subiram 1,77%, os papéis preferenciais do Bradesco tiveram alta de 1,14% e as ações ordinárias ganharam 0,71%. Os papéis do Itaú Unibanco subiram 0,82% e as ações do Santander tiveram alta de 0,51%.


As ações do BTG Pactual caíram 4,89% para R$ 16,35 com a informação de que o sócio André Esteves estaria negociando acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal. O advogado do executivo, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, negou a informação. Esteves é réu em ação penal na 10ª Vara Federal Criminal de Brasília, acusado de tentativa de obstrução à Operação Lava Jato, juntamente com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-senador Delcídio do Amaral e outras quatro pessoas. Segundo a acusação, Esteves teria sido o financiador de um plano que buscava a compra do silêncio do ex-diretor da área internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, para que ele não fechasse acordo de delação premiada com a Procuradoria Geral da República (PGR).


As ações da Petrobras também encerram o dia com alta, apesar da queda do preço do petróleo no mercado futuro. As ações preferenciais subiram 3,34% e os papéis ordinários tiveram alta de 2,70%. Já as ações da Vale, que foram menos impactadas pela crise política nos últimos dias, fecharam com queda, seguindo a baixa do minério de ferro. Os papéis PNA recuaram 2,07% e as ações ordinárias tiveram baixa de 2,62%. O preço do minério caiu 2,4% em Qingdao, na China, para US$ 60,52 a tonelada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos