Bolsas

Câmbio

STF retoma nesta tarde julgamento sobre validade de delações da JBS

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta quarta-feira o julgamento sobre a validade das delações de executivos da J&F, detentora da JBS. A sessão está marcada para as 14 horas. Na quinta-feira da semana passada, a votação estava com um placar de 7 a 0 a favor da legalidade das colaborações premiadas e da permanência do ministro Edson Fachin como relator dos processos relacionados à delação.


Já votaram Fachin, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski. Votam hoje Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e Cármen Lúcia.


Nas duas sessões da semana passada, as discussões mais acaloradas foram relacionadas à possibilidade ou não de a Corte rever termos de uma delação no momento do julgamento, como os benefícios concedidos aos delatores.


O julgamento foi motivado por recursos (questão de ordem e agravo regimental) apresentados à Corte pelo governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), contra a escolha automática, por prevenção, de Fachin como relator do caso e contra a homologação da colaboração da JBS.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos