Bolsas

Câmbio

Juros futuros têm segundo menor volume do ano com feriado nos EUA

O feriado que fechou os mercados americanos fez o volume de negócios nos juros futuros da B3 minguar. Até as 16h12, pouco mais de 388 mil contratos de DI de um dia haviam sido transacionados. Mantido esse ritmo, será o volume diário mais baixo desde 16 de janeiro.


As taxas de juros de prazos mais curtos ficaram estáveis em relação ao ajuste de ontem. O DI janeiro/2018 ficou em 8,84% ao ano, enquanto a taxa para janeiro/2019 permaneceu em 8,81%.


Dados agregados da produção industrial de maio mostraram alta de 0,8% sobre abril, com ajuste sazonal. Porém, o desempenho foi puxado basicamente pelo setor automotivo. Excluindo esse setor, o índice recuou 0,1%, segundo o Haitong.


Para o banco, os números devem levar o mercado a continuar revisando para baixo as estimativas para o crescimento econômico. "Isso significa que o Banco Central provavelmente encontrará mais pressões deflacionárias à frente, o que deve permiti-lo estender o ciclo de afrouxamento monetário", dizem em nota Jankiel Santos e Flávio Serrano, economistas do Haitong.


Os economistas esperam que a Selic atinja 9% em setembro e permaneça nesse patamar por um tempo. A Selic está hoje em 10,25% ao ano.


A inclinação entre os DIs janeiro/2019 e janeiro/2018 voltou a cair, marcando -3 pontos-base, ante -1,5 ponto-base ontem. Quanto mais negativa essa medida, mais o mercado embute chance de queda ou pelo menos estabilidade da Selic ao longo de 2018.


Mas a inclinação entre vértices longos e curtos fez caminho contrário e tornou a subir, refletindo a percepção mais cautelosa para o futuro, em meio às dificuldades do governo de retomar o debate sobre a reforça da Previdência, num momento em que o presidente Michel Temer tenta se salvar no cargo.


O "spread" entre os DIs janeiro/2023 e janeiro/2019 subiu 4 pontos-base, para 169 pontos-base, maior nível em uma semana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos