Dólar sobe e sai na casa de R$ 3,30; cena externa atrai atenções

O dólar opera em alta nesta quinta-feira, na casa de R$ 3,30, com o mercado brasileiro mais alinhado aos emergentes. Os pares do real estendem as perdas, após forte desvalorização no dia anterior, quando o petróleo caiu cerca de 4%. A moeda brasileira destoou de outras praças na sessão passada em meio a sinais de entrada de recursos. Nesta manhã, entretanto, esse efeito não fica tão evidente.


Às 9h45, o dólar comercial marcava R$ 3,3049, em alta de 0,39%.O contrato futuro para agosto, por sua vez, tinha alta de 0,48%, a R$ 3,3230.


No exterior, os agentes receberam dados sobre a geração de empregos no setor privado dos Estado Unidos. De acordo com a ADP, em junho, foram adicionados 158 mil postos de trabalho à economia americana, abaixo da expectativa, que era de de 180 mil. Agora, as atenções se voltam para o relatório sobre o mercado de trabalho dos EUA com os números do setor público,previsto para amanhã.


Os indicadores são observados sob o prisma da política monetária dos EUA, que continua no processo de elevação de juros. Os agentes financeiros ainda buscam sinais sobre a futura redução do balanço patrimonial do Federal Reserve (Fed, banco central americano), que pode acontecer até o fim deste ano.


No Brasil, o noticiário político segue exigindo cautela entre os agentes financeiros.


Na renda fixa, o DI janeiro/2021 subia a 10,050%, ante 9,980% no ajuste anterior. Já o DI janeiro/2018 marcava 8,815%, ante 8,810%, e o DI janeiro/2019 operava a 8,790%, ante 8,760%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos