Bolsas

Câmbio

Fitch eleva perspectiva do rating do México

A agência de classificação de risco Fitch elevou a perspectiva do rating BBB+ do México de negativa para estável. Segundo a agência, a melhora reflete a diminuição de riscos para as projeções de crescimento e a expectativa de estabilização da dívida pública.


A Fitch também cita que os Estados Unidos parecem estar adotando uma postura mais moderada em relação à renegociação do NAFTA. "A economia tem mostrado resiliência a preços menores do petróleo e aos riscos das políticas protecionistas dos EUA, e as autoridades têm demonstrado capacidade de navegar por esses desafios", aponta o relatório.


A agência prevê que o PIB mexicano deve crescer 2% este ano e uma média de 2,4% ao ano entre 2018 e 2019. A agência aponta ainda que o banco central mexicano tem elevado os juros proativamente e melhor ancorado as expectativas de inflação.


Sobre a dívida pública, a Fitch prevê queda para 44% do PIB este ano, mas ainda acima da média dos países com rating na faixa BBB, que é de 41%.


A agência aponta ainda que o clima político pode esquentar à medida que as eleições de julho de 2018 se aproximam. A Fitch vê uma disputa bastante acirrada e diz que um eventual aumento na incerteza pode prejudicar as projeções de investimento e PIB para 2018."A Fitch não espera uma grande mudança de políticas econômicas em um novo governo, devido ao sistema de freios e contrapesos na estrutura institucional do México", aponta o relatório.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos