IGP-DI fecha julho com queda de 0,30% e acumula baixa de 2,87% no ano

O Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) registrou em julho a quinta deflação seguida, ao cair 0,30%. Em junho, a retração havia sido de 0,96%. O indicador acumula queda de 2,87% no ano e de 1,42% em 12 meses, conforme levantamento da Fundação Getulio Vargas (FGV).


O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) caiu menos, ao passar de recuo de 1,53% em junho para decréscimo de 0,67% um mês depois. Entre os produtos que lideraram as altas em julho e pressionaram o indicador estão minério de ferro (-6,95% para 5,98%) e soja em grão (0,05% para 4,01%). Pelo seu peso no IGP ? cerca de 60% ?, mesmo com a queda menor, o IPA segue segurando o indicador geral no campo negativo. No recorte por origem dos produtos, tanto os agropecuários quanto os industriais reduziram o ritmo de baixa em julho - no primeiro caso, os produtos passaram de recuo de 2,88% para queda de 1,42% enquanto no segundo, foram de baixa de 1,06% para declínio de 0,41%.


Os demais componentes do IGP-DI voltaram a acelerar em julho. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,38%, após ceder 0,32% em junho. Metade das oito classes de despesa apresentaram acréscimo em suas taxas. A maior pressão foi do grupo habitação (-0,74% para 1,15%). Como já captado por outros indicadores, pesou nos custos habitacionais o item tarifa de eletricidade residencial (-6,56% para 5,95%).


Também tiveram mudança de rumo transportes (-0,53% para 0,40%) e comunicação (-0,10% para 0,58%). Alimentação saiu de baixa de 0,71% para decréscimo de 0,22%.Vestuário deixou alta de 0,86% para recuo de 0,08% enquanto subiram menos saúde e cuidados pessoais (0,52% para 0,32%), despesas diversas (0,31% para 0,18%) e educação, leitura e recreação (0,21% para 0,19%).


O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou alta de 0,30%, seguindo elevação de 0,93% em junho. O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços subiu 0,07% e aquele que representa o custo da Mão de Obra apresentou elevação de 0,49%.



[module:valor_wysiwyg|src:sites/default/files/infograficos/Brasil/IGPDI/IGPDI_julho2017_1092.html|width:100%|height:1092]

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos