PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Lucro do grupo Votorantim mais do que dobra no segundo trimestre

16/08/2017 10h22

O Grupo Votorantim informou nesta quarta-feira (16) aumento de 129,5% no lucro atribuído aos controladores, para R$ 583 milhões, na comparação anual.


A receita da companhia caiu 1,7% de abril a junho, para R$ 6,9 bilhões, ante mesmo período do ano passado.


A companhia atribuiu a melhora na última linha do balanço ao resultado de equivalência patrimonial de investidas como Fibria, Citrosuco e Banco Votorantim, que subiu 21% no período, para R$ 357 milhões.


A despesa financeira líquida no período caiu 58,4%, para R$ 236 milhões, beneficiada por ganhos com instrumentos de proteção cambial e pela reversão de provisões de impostos.


A receita do Grupo Votorantim foi afetada pela queda no volume de vendas de cimentos, pela valorização do valor médio do real ante o dólar e pela suspensão temporária das operações de níquel, que ofuscaram a valorização dos preços do alumínio e do zinco no período.


O segmento de cimento, responsável por 43% da receita da Votorantim, registrou queda de 14% nas vendas, para R$ 3 bilhões.


Os investimentos encerraram o trimestre em R$ 728 milhões, queda de 6% na comparação anual.