Bolsas

Câmbio

Dólar abre outubro em alta, na casa de R$ 3,17, em linha com exterior

O dólar inicia os negócios do mês de outubro em alta moderada em relação ao real. O avanço está em linha com o movimento global de valorização da moeda americana na manhã desta segunda-feira, mantendo a cotação no Brasil acima do nível de R$ 3,17.


Às 9h45, o dólar comercial avançava 0,18%, cotado a R$ 3,1718.


O contrato futuro para novembro, por sua vez, ganhava 0,27%, saindo a R$ 3,1855.


O diretor da Wagner Investimentos, José Faria Junior, aponta que o dólar segue próximo de seu gatilho de reversão de tendência de médio prazo, na região de R$ 3,18. O movimento é atribuído, em grande parte, pela reavaliação do cenário econômico americano. Isso porque aumenta a aposta de novo aperto monetário do Federal Reserve (Fed, banco central americano) em dezembro, algo que até setembro era precificado com chances limitadas.


Na sexta-feira, será divulgado o relatório de empregos dos Estados Unidos, um dos principais balizadores da política monetária, que deve aquecer ainda mais o debate. Hoje, estão previstos indicadores de atividade do país.


Os juros futuros acompanham o dólar e também têm viés de alta nesta manhã. O DI janeiro/2021 subia a 8,820% (8,780% no ajuste anterior).


Entre vértices de prazos menores, o DI janeiro/2018 marcava 7,502% (7,510% no ajuste anterior) e DI janeiro/2019 era negociado a 7,290% (7,260% no ajuste anterior). Nesses trechos, também há influência do sinal de inflação mais fraca e atividade em recuperação, como mostram os ajustes no Boletim Focus.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos