RJ não receberá empréstimo para pagar servidores até 27 de novembro

O governo do Estado do Rio de Janeiro informou, em nota, que a liberação do empréstimo de R$ 2,9 bilhões a ser efetuado pelo banco BNP Paribas, como resultado de licitação realizada no primeiro dia do mês, não ocorrerá até o dia 27 de novembro, "contrariando as estimativas e os esforços do Executivo estadual".


Ainda, de acordo com o comunicado, a conclusão do "complexo processo de liberação dos recursos" ocorrerá "em breve". Segundo o governo estadual, a liberação depende do aval do Tesouro Nacional.


"Para a assinatura final do contrato, estão ocorrendo conversas diárias entre as partes, que vão resultar, em breve, na conclusão do processo e ingresso dos recursos no caixa do Estado", diz a nota divulgada pelo governo estadual, lembrando que os recursos serão integralmente usados para a regularização do pagamento dos salários dos servidores ativos, inativos e pensionistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos