Bolsas

Câmbio

Índice de custo da construção da FGV aumenta 0,28% em novembro

O Índice Nacional de Custo da Construção - M (INCC-M) registrou, em novembro, talta de 0,28%, acima do resultado do mês anterior, de avanço de 0,19%, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV).O indicador é calculado com base nos preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 20 do mês de referência.


O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços subiu 0,61% no penúltimo mês de 2017, seguindo elevação de 0,44% um mês antes. O índice referente à Mão de Obra não registrou variação, após ceder 0,01% em outubro.


No grupo Materiais, Equipamentos e Serviços, o índice correspondente a Materiais e Equipamentos teve alta de 0,75%, depois de acréscimo de 0,54% um mês antes. Dos quatro subgrupos componentes, três apresentaram acréscimo em suas taxas de variação, destacando-se materiais para estrutura, cuja taxa passou de 0,92% para 1,21%.


A parcela referente a Serviços passou de elevação de 0,08% em outubro para 0,09% um mês depois. Neste grupo, vale destacar o comportamento do item refeição pronta no local de trabalho (-0,17% para 0,48%).


Seis capitais apresentaram aceleração em suas taxas de variação: Salvador, Belo Horizonte, Recife, Rio de Janeiro, Porto Alegre e São Paulo. Em contrapartida, Brasília registrou desaceleração, diz a FGV.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos