ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Dólar tem maior alta em 3 semanas com pausa na sequência de queda

16/01/2018 18h44

O dólar registrou nesta terça-feira a maior alta diária em mais de três semanas, com o real entre as moedas de pior desempenho num dia de pausa na sequência de perdas do dólar vista nos últimos dias.


No fechamento, a cotação negociada no mercado interbancário subiu 0,58%, a R$ 3,2287. É a maior alta para um encerramento desde 22 de dezembro de 2017, quando houve elevação de 0,74%.


Durante os negócios, a divisa alcançou R$ 3,2373, ganho de 0,85%, o mais forte desde a alta de 1,10% marcada em 14 de dezembro do ano passado.


O dólar até reduziu as altas no meio da tarde, mas ainda assim se mantinha forte em relação a divisas como shekel israelense, rupia indiana, peso filipino, peso chileno e rublo russo.


A recuperação do dólar ocorre a reboque de uma pausa na demanda por ativos de maior risco, que tirou hoje as ações globais das máximas recordes, afastou o petróleo dos picos em três anos e fez o índice CRB de matérias-primas cair dos maiores níveis desde outubro de 2015.


Do lado doméstico, o grande foco é o julgamento do ex-presidente Lula, marcado para a quarta-feira da semana que vem.


Investidores contam com a condenação do ex-presidente, o que o impediria de concorrer às eleições de 2018. Nesse sentido, investidores comentaram hoje declarações da presidente do PT, Gleisi Hoffman, de que Lula prepara nova carta aos brasileiros. Em 2002, o petista usou a mesma estratégia para acalmar os mercados, na época também temerosos quanto às políticas econômicas do governo do PT.

Mais Economia