Bolsas

Câmbio

Fim da TV analógica afetará 13 milhões do Sul e do Sudeste até março

O governo autorizou nesta quarta-feira o início do desligamento do sinal analógico da TV aberta em cinco grupos de cidades das regiões Sul e Sudeste a partir desta quarta-feira, às 23h59. A decisão deve atingir aproximadamente 13 milhões de pessoas que contarão, até o fim de março, somente com o sinal digital.


O desligamento foi autorizado em portaria assinada pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Gilberto Kassab. A medida levou em consideração as informações sobre o nível de acesso da população à recepção digital, levantadas pelo Grupo de implantação da TV Digital (Gired).


"Estamos chegando, agora, a quase 500 cidades, com mais de 85 milhões de brasileiros que contarão com apenas o sistema digital, que está trazendo entretenimento e informação de qualidade. Não tivemos nenhum problema nessa implantação, o que se tornou uma referência para todo mundo", disse o ministro em solenidade.


De acordo com o MCTIC, a região de Curitiba (PR) e mais 26 municípios serão o único grupo a desligar a TV analógica totalmente a partir da noite de ontem. "O agrupamento de Curitiba bateu a meta. Chegou [a recepção digital] a 91% de cobertura nas cidades", disse o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Juarez Quadros. Ele explicou que a exigência de cobertura de 93% dos domicílios foi atendida, ao considerar a margem de erro da pesquisa de 3 pontos percentuais para mais e para menos.


Nos demais grupos de cidades, o fim da transmissão do sinal analógico foi escalonado a partir de ontem à noite. O momento exato é definido pelas emissoras e pelas retransmissoras de televisão locais.


O desligamento gradativo a partir desta quarta será feito em Franca (SP) e Ribeirão Preto (SP) até o dia 21 de fevereiro; em Florianópolis (SC) e seis municípios catarinenses até 28 de março; em Porto Alegre (RS) e mais 106 cidades gaúchas até 14 de março.


Quadros disse que o ritmo de digitalização no Nordeste tem surpreendido. Segundo ele, São Luiz (MA) e mais dez cidades próximas terão o sistema analógico desligado inteiramente no dia 28 de março. Isso porque, na pesquisa realizada, a região atingiu a cobertura de 92% antes do prazo.


A digitalização da TV aberta permite a liberação de parte da faixa de 700 Megahertz (MHz). A desocupação, com o fim da transmissão analógica, garante maior disponibilidade de frequência para o serviço de banda larga móvel de quarta geração (4G).


"Esse espaço fica à disposição das quatro operadoras [Vivo, Claro, Tim e Algar] que compraram a frequência", reforçou Quadros.





Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos