Bolsas

Câmbio

Filho mais velho de Fidel Castro comete suicídio, diz mídia cubana

Fidel Castro Diaz-Balart, o filho mais velho do falecido líder cubano Fidel Castro, se matou nesta quinta-feira após meses de tratamento para a depressão, informou a mídia estatal. Ele tinha 68 anos.


O site oficial Cubadebate disse que Castro Diaz-Balart estava em um "estado profundamente deprimido". Uma breve nota lida na televisão estatal disse que seu tratamento "exigiu um regime de hospitalização e acompanhamento ambulatorial".


O filho mais velho do ex-líder de Cuba era conhecido por sua barba distinta e semelhança com seu pai, ganhando o apelido de Fidelito ou Pequeno Fidel. Castro morreu em 25 de novembro de 2016.


Castro Diaz-Balart serviu como conselheiro científico do Conselho de Estado e foi vice-presidente da Academia Cubana de Ciências.


Sua mãe era Mirta Diaz-Balart, uma mulher da aristocracia cubana com quem Castro se casou na juventude antes de começar a luta revolucionária que mais tarde o levou a ele e a seu irmão Raúl ao poder.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos