Bolsas

Câmbio

Porto Seguro aponta alta da criminalidade e tem lucro trimestral menor

A Porto Seguro informou nesta segunda-feira (5) que teve lucro líquido de R$ 267,7 milhões no quarto trimestre, uma queda de 11% na comparação com o mesmo período de 2016. No resultado fechado de 2017, o lucro foi de R$ 1,098 bilhão, com alta de 20,5%.


As receitas totais avançaram 8,4% no trimestre, na comparação anual, para R$ 4,534 bilhões. Já os prêmios auferidos cresceram 7,8%, para R$ 3,868 bilhões, com destaque para a expansão de 23,7% em Patrimonial. O único produto com queda foi previdência, que recuou 1%.


Já o resultado financeiro caiu 43% no trimestre, para R$ 154 milhões. A rentabilidade trimestral da carteira (excluindo previdência) foi de 1,9% (107% do CDI). O retorno sobre o patrimônio (ROAE) ficou em 15,7%.


O índice combinado de seguros ficou em 94,6% no quarto trimestre, de 96,4% no terceiro e 99,4% no quarto trimestre de 2016. O índice de sinistralidade ficou em 51,2%, a melhor marca trimestral dos últimos dez anos, segundo a companhia.


"A demanda enfraquecida, o aumento da criminalidade em alguns Estados, a forte queda na taxa de juros e o ambiente competitivo acirrado no seguro auto foram fatores desafiadores para a indústria de seguros. Entretanto, conseguimos expandir as nossas receitas em todas as principais linhas de negócio. O lucro evoluiu [em 2017], suportado pela estratégia de expansão geográfica, pela diversificação de produtos e pela nossa disciplina na recomposição de preços, contribuindo para aumentar em três vezes o resultado operacional em relação a 2016", diz a empresa em nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos