Bolsas

Câmbio

Ibovespa segue onda de vendas global; Itaú e TIM sobem com balanços

O Ibovespa teve uma abertura bastante negativa, mas acabou diminuindo a queda nos primeiros minutos de pregão. Às 10h32, o índice da Bolsa paulista recuava 0,45%, aos 81.489 pontos. Mais cedo, chegou a perder os 81 mil pontos e tocou a mínima de 80.804 pontos.


Analistas dizem que essa relativa resiliência da bolsa local diante das perdas em Nova York tem a ver com o fato de que prevalece a visão de que a onda de vendas é passageira e, até certo ponto, saudável. A alta das bolsas americanas havia sido muito intensa e rápida, gerando uma condição técnica arriscada. Por ora, dizem os especialistas, a bolsa brasileira acompanha o movimento de forma lateral. "É um movimento técnico, não de fundamento. Por isso, a bolsa local não sofre na mesma proporção", explica um operador. O perigo, explica, é que as quedas no exterior se acelerem a ponto de gerar perdas muito intensas que acionem o ambiente de aversão ao risco - o que, até agora, não se configurou.


Entre as baixas, Usiminas PNA recuava 2,56%, BR Malls cedia 2,54% e JBS ON caía 1,92%.


Itaú Unibanco avançava 2,08%, reagindo ao balanço divulgado na noite de segunda-feira. TIMsubia 2,99%, também em reação ao resultado divulgado no dia anterior.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos