ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 1.Ago.2018
Topo

IGP-DI registra alta de 0,58% em janeiro, aponta FGV

06/02/2018 09h46

O Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) registrou inflação de 0,58%, em janeiro, inferior ao 0,74% do último mês de 2017, mas superiorà taxa registrada no primeiro mês daquele mesmo ano, de 0,43% de alta, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV).Em 12 meses, o IGP-DI teve baixa, de 0,28%.


Entre os três componentes do indicador geral, oÍndice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) registrou elevação de 0,58% em janeiro, após subir 1,07% um mês antes. O índice relativo a Bens Finais saiu de aumento de 0,45% para 0,16%. O principal responsável por este movimento foi o subgrupo alimentos processados (0,75% para -1,55%).Bens Intermediários foram de elevação de 0,46% para 1,34%. O principal responsável por este avanço foi o subgrupo combustíveis e lubrificantes para a produção (-2,27% para 4,20%).As Matérias-Primas Brutas passaram de elevação de 2,62% em dezembro de 2017 para 0,18% no primeiro mês de 2018.


O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) teve alta de 0,69% em janeiro, ante 0,21%, no mês anterior. Seis das oito classes de despesa componentes do índice apresentaram acréscimo em suas taxas de variação. A contribuição de maior magnitude para o avanço da taxa do IPC partiu do grupo Alimentação (0,27% para 1,23%). Nesta classe de despesa, vale mencionar o comportamento do item hortaliças e legumes (-0,29% para 15,75%).


Também apresentaram acréscimo em suas taxas de variação os grupos: Educação, Leitura e Recreação (0,37% para 2,75%), Transportes (0,78% para 1,12%), Vestuário (0,11% para 0,34%), Comunicação (-0,07% para 0,13%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,45% para 0,50%).


Por sua vez, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou, em janeiro, elevação de 0,31%, acima do resultado do mês anterior, de 0,07%. O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços subiu 0,69% e aquele que representa o custo da Mão de Obra não registrou variação.

Mais Economia