Bolsas

Câmbio

Pedido de recuperação judicial da Eternit é aprovado em assembleia

O pedido de recuperação judicial da Eternit foi aprovado por unanimidade em assembleia geral extraordinária (AGE) realizada nesta quarta-feira. A companhia entrou com pedido de recuperação no dia 20 de março.

Na ocasião, a Eternit informou que a necessidade de ajuizamento resultou do banimento do amianto e da crise da construção. Pesaram também os resultados da Companhia Sulamericana de Cerâmica (CSC), joint venture de louças sanitárias na qual a Eternit tem 60% de participação.

Segundo a companhia informou naquele momento, seu lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) é insuficiente para pagar a dívida financeira, que supera R$ 300 milhões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos