Bolsas

Câmbio

Dólar é negociado acima de R$ 3,56 e juros futuros têm firme alta

As taxas de contratos de DI operam em alta na manhã desta terça-feira. Os juros curtos e intermediários mostram variações um pouco mais acentuadas, sob um pano de fundo de dólar elevado no mundo e sinais não tão benéficos da inflação.

Por volta das 10 horas, o dólar comercial subia 0,44%, a R$ 3,5684.

No campo dos índices de preços, a inflação no atacado - medida pelo IGP-DI - acelerou em abril para 0,93%, ante a alta de 0,56% no mês anterior, conforme a FGV. O resultado ficou acima do esperado pela equipe de pesquisa do Bradesco, de 0,64%.

No mercado, que também se ajusta à alta do dólar, observa-se alguma pressão sobre as apostas para a Selic neste ano e no próximo. Hoje, o DI janeiro de 2020 subia para 7,230% ante 7,130% no ajuste anterior, dando sequência a uma trajetória de alta desde meados de abril. No dia 20 daquele mês, a taxa estava em 6,890%.Num prazo ainda mais curto, o DI janeiro de 2019 marcava 6,340%(6,300% no ajuste anterior).

O DI janeiro/2021 tinha alta a 8,250% (8,160% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2023 subia a 9,400% (9,330% no ajuste anterior). ODI janeiro/2025 avançava a 9,890% (9,820% no ajuste anterior).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos