ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Petrobras vai distribuir R$ 652 milhões em juros sobre capital

08/05/2018 08h53

(Atualizada às 10h55) A Petrobras pretende pagar R$ 652,2 milhões em juros sobre o capital próprio (JCP), o equivalente a R$ 0,05 por ação.

O montante será pago em 25 de maio, com base na posição acionária de 21 de maio.

Segundo a companhia, a decisão levou em conta a nova política de remuneração aos acionistas aprovada pelo conselho, e também a sua meta de redução de endividamento. Os proventos serão pagos igualmente aos ordinaristas e preferencialistas.

A antecipação de JCP será imputada ao dividendo mínimo obrigatório, inclusive para fins de dividendos mínimos prioritários das ações preferenciais.

A Petrobras não distribuía dividendos aos acionistas desde 2013, antes da eclosão da operação Lava-Jato da Polícia Federal, em março de 2014. Desde então, a estatal vinha registrando prejuízos anuais, marcados por efeitos não recorrentes.

Conveniência

A escolha entre a distribuição de juros sobre capital próprio e dividendos é uma questão de conveniência tributária, disse o presidente da Petrobras, Pedro Parente, nesta terça-feira (8), durante coletiva de imprensa para anúncio dos resultados do 1º trimestre.

A estatal anunciou que passará a fazer uma distribuição trimestral de dividendos e atendeu as expectativas do mercado de anúncio de pagamento já no primeiro trimestre de 2018. A companhia decidiu alterar a política de dividendos para o que chamou de política de remuneração a acionistas. Com isso, o objetivo da Petrobras é ter uma certa estabilidade na remuneração aos acionistas, disse Parente.

O diretor financeiro e de relações com investidores da empresa, Ivan Monteiro, afirmou que a disciplina de custos continua sendo prioridade da empresa, mesmo após a recente alta do preço do barril do tipo Brent.

Leia mais:

Petrobras tem o melhor resultado desde o início da Lava-Jato

Petrobras termina o 1º tri com R$ 70 bilhões em caixa

Petrobras diz que novo acordo com Eletrobras trará ganhos de R$ 2,1 bi

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia