ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Dólar renova máxima em 25 meses e volta a se aproximar de R$ 3,70

16/05/2018 15h38

O dólar segue em alta nesta quarta-feira, na quarta sessão consecutiva de ganhos. No mercado futuro, a taxa do primeiro vencimento cravou R$ 3,7000 no pico do dia. No mercado spot, foi a R$ 3,6955, maior nível intradia desde 7 de abril de 2016 (R$ 3,7189).

Após essa máxima, a cotação desacelerou um pouco os ganhos e subia 0,67% por volta de 15h35, a R$ 3,6889.

O real tem o segundo pior desempenho global nesta quarta-feira, melhor apenas que o vizinho peso argentino.

Os investidores no Brasil continuam a citar a ansiedade sobre a sinalização de política monetária como fator a pressionar o sentimento para o câmbio. A expectativa é que o BC promova um corte de 0,25 ponto percentual da Selic, mas as atenções estão voltadas para o teor do comunicado que acompanhará a decisão.

No mercado, há avaliações de que o BC precisa emitir um sinal mais duro em relação aos riscos associados a novas quedas dos juros para amenizar a depreciação do real, que no ano já chega 10% - terceiro pior desempenho global.

O real fica bem atrás de alguns de seus principais pares no desempenho desta quarta, o que reforça a percepção de que componentes locais têm pesado sobre a moeda hoje.

O rublo russo, por exemplo, subia 1%, enquanto o rand sul-africano ganhava 1,1%. Até a lira turca, envolvida numa tempestade que a tem feito renovar sucessivamente mínimas recordes, se aprecia 0,7% neste pregão.

Mais Economia