Bolsas

Câmbio

Juros futuros caem; investidor avalia cena brasileira e dados dos EUA

Os juros futuros operam em queda nesta sexta-feira, num movimento que, segundo operadores, demonstra uma melhora nas condições do mercado de renda fixa. Isso porque o recuo das taxas ocorre um dia após uma piora no desempenho dos mercados emergentes - numa sessão em que não houve negócios no Brasil por causa de feriado local.

Outro elemento que merece atenção é o resultado forte dos dados sobre o mercado de trabalho americano, o que provocou a alta dos juros dos títulos do Tesouro dos Estados Unidos.

Às 11h03, o DI janeiro/2021 era negociado a 8,760%, ante 8,89% no ajuste de quarta-feira. Já DI janeiro/2027 tinha taxa de 11,550%, ante 11,67%.

"Os mercados estão bem. Com o fim da greve, tem tudo para a melhora continuar", diz o sócio-gestor da Modal Asset, Luiz Eduardo Portella.Embora o conjunto de medidas tributárias adotadas pelo governo para encerrar a greve seja uma má notícia do ponto fiscal, ele observa que, neste momento, o que importa é que a Petrobras será blindada. "São medidas ruins para o fiscal, mas agora essa questão depende da eleição", diz.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos