Bolsas

Câmbio

Ministério fala em rodada com excedentes da cessão onerosa neste ano

O secretário de petróleo e gás do Ministério de Minas e Energia (MME), João Carvalho Vieira, disse que o governo e a Petrobras mantêm as negociações sobre a revisão do contrato da cessão onerosa. Vieira acrescentou que o MME está preparado para realizar o megaleilão dos excedentes da cessão onerosa ainda este ano, caso as conversas entre as duas partes avancem.

"Estamos trabalhando junto com o governo e a Petrobras, as conversas continuam. Caso ela [a licitação] venha [a ser realizada], vai ser trabalhoso, em cima da hora, mas estaríamos preparados para isso", afirmou.

Pré-sal

Vieira ainda afirmou que o governo pretende promover novos leilões do pré-sal em 2020 e 2021.

Esta semana, o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) aprovou a realização de uma rodada de concessão por ano até 2021. Segundo ele, não foram incluídas licitações sob o regime de partilha porque não houve tempo hábil para melhor avaliação dos ativos que serão ofertados.

"Vamos ter leilões de partilha em 2020 e 2021. Não houve tempo para avaliar as áreas. A preparação das áreas de partilha é mais demandante [que as de concessão]", disse.

O diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Décio Oddone, por sua vez, disse que o CNPE estuda incluir as áreas ofertadas sem sucesso nas rodadas de partilha no mecanismo de oferta permanente - pacote de ativos disponibilizados para compra sob demanda das petroleiras.

Uma das opções será ofertar a área de Itaimbezinho, na Bacia de Campos, que não recebeu ofertas no leilão de hoje.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos