PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Empreendedorismo

7 dicas para criar seus próprios indicadores e saber se empresa vai bem

02/12/2014 06h00

Como saber se as ações que sua empresa tomou estão gerando os resultados esperados? Como identificar os pontos que podem ser melhorados? A gestão por indicadores de desempenho ou KPIs (Key Performance Indicators) é uma maneira eficiente de acompanhar os caminhos que o negócio tem seguido – seja ele uma franquia ou não.

A seguir, veja 7 cuidados ao elaborar seu próprio painel de indicadores:

1. Defina as informações que serão controladas

Faça uma lista das informações que precisam ser monitoradas. Liste itens como faturamento, ticket médio (gasto médio por consumidor), produtividade, novas vendas. É importante que esta lista seja elaborada pelo gestor da unidade ou empresa.

2. Estabeleça um objetivo para o controle

Defina os objetivos (finalidades) que levam a ter essas informações controladas, bem como o seu impacto na empresa – não existe regra exata do número de indicadores. Mas é importante que os indicadores estejam adequados às necessidades daquilo que se precisa saber. É melhor ter poucos indicadores, mas que sejam efetivos, do que ter muitos indicadores com pouca efetividade.

3. Selecione os indicadores

Estabeleça quais são os indicadores que levam a ter as informações que você deseja. Para saber, por exemplo, qual é a receita de cada colaborador é preciso criar um indicador de produtividade. E assim por diante.

4. Mantenha as informações atualizadas

Alimente o painel constantemente. Verifique se, para as informações que serão controladas, já existe uma fonte de captura desta informação. Defina também como capturar esses dados e se é necessário utilizar algum mecanismo adicional para gerar estas informações (ex: uso de um software).

5. Defina a periodicidade 

Estabeleça qual o período retratado pelas informações contidas no indicador. Exemplo: se o indicador for mensal, as informações contidas obviamente se referem ao mês anterior.

6. Estabeleça as métricas 

Métricas são os parâmetros de referência e comparação, ou seja, índices estabelecidos pela empresa, que servirão de base para avaliar se as coisas seguem de acordo com o esperado. Se a métrica de produtividade for 2, por exemplo, e o número retratado pelo indicador estiver abaixo de 2, é sinal de que algo não está acontecendo como o desejado. Ou, se for maior, está acima do desejado. Neste caso é preciso entender por que o indicador está abaixo ou acima do desejado, quais ações ocorreram para que isto acontecesse.

7. Divulgue os resultados para a equipe

É importante que todos saibam quais indicadores estão sendo acompanhados, qual é o objetivo desse monitoramento e quais foram os resultados apurados. Assim, fica mais fácil estimular os funcionários a se empenharem para aprimorar o desempenho da empresa.

Empreendedorismo