UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/06/2010 - 13h38

Repasse da queda do preço do GNV em SP dependerá dos postos, diz Fecombustíveis

SÃO PAULO – A redução autorizada nas tarifas do GNV fornecido pela Comgás em São Paulo pode ser repassada pelos postos aos consumidores finais, acredita a Fecombustíveis (Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes).

Contudo, o percentual de repasse, se será total ou parcial, da queda de 0,53% da tarifa de venda pela concessionária para os postos dependerá da planilha de cada revendedora, ressaltou a federação, por meio de sua assessoria de imprensa.

No ano passado, a redução na tarifa de venda para os postos do combustível vendido pela Comgás foi bem maior, de 16,6%.

Preços do GNV já estão em queda 

De maneira geral, em São Paulo, já é possível verificar quedas nos preços do metro cúbico do combustível, como mostram os dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo).

No início de maio, o preço do metro cúbico de GNV estava em R$ 1,468 no estado paulista. Na semana terminada no dia 29 do mês passado, o preço estava a R$ 1,448 – uma queda de 1,36% entre um período e outro. Comparando os preços verificados na semana passada frente aos valores da semana anterior (R$ 1,466) também é possível verificar queda, de 1,23%.

Na cidade de São Paulo, o preço do combustível encerrou a última semana de maio a R$ 1,445. Já, na média nacional, o preço ficou a R$ 1,611, no mesmo período.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host