! Meta de atingir cinco milhões de pessoas físicas em cinco anos é conservadora, diz Bovespa - 30/06/2010 - InfoMoney
 

30/06/2010 - 14h25

Meta de atingir cinco milhões de pessoas físicas em cinco anos é conservadora, diz Bovespa

SÃO PAULO – A meta de atingir cinco milhões de investidores pessoas físicas na Bolsa de Valores em cinco anos não é ambiciosa, mas sim conservadora, de acordo com o diretor executivo de Desenvolvimento e Fomento de Negócios da BM&FBovespa, José Antônio Gragnani.

“Quando olhamos o mercado desenvolvido, esse número não é ambicioso, é extremamente conservador. Os cinco milhões representam 3% da população brasileira”. Para se ter uma ideia, as pessoas físicas hoje na bolsa somam cerca de 550 mil investidores.

Realidade Brasil


De acordo com Gragnani, no passado, quando a taxa básica de juro no Brasil estava mais alta, o investidor se protegia em modalidades mais seguras de renda fixa, como poupança e títulos públicos federais.

Porém, o cenário deve mudar, com a migração desses investidores para a renda variável, à medida em que a taxa básica está mais baixa.

“A bolsa tem investido em programas de educação financeira. Vamos fazer mídia forte a partir do quarto trimestre. O processo é educativo para chegar a esse número de cinco milhões de investidores”, afirmou.