! Até 2014, Brasil terá 140 milhões de computadores em uso, mostra FGV - 19/04/2011 - InfoMoney
 

19/04/2011 - 17h44

Até 2014, Brasil terá 140 milhões de computadores em uso, mostra FGV

SÃO PAULO – Em 2014, o número de computadores em uso no País deve alcançar 140 milhões de unidades, mostra estudo apresentado nesta terça-feira (19) pela FGV (Fundação Getulio Vargas). O número equivale a dois micros para cada três habitantes.

Para 2012, o coordenador da pesquisa e professor da fundação, Fernando Meirelles, estima que o número de computadores em uso alcançará os 98 milhões – um computador para cada dois brasileiros. 

Este ano, até maio, de acordo com o professor, o número de computadores em uso chegará a 85 milhões – um crescimento de mais de 32% frente ao número de computadores em uso de todo o ano de 2009.

Para Meirelles, um dos principais fatores que influenciam no crescimento do mercado de computadores é o custo. “O primeiro fator é que o custo do equipamento tem caído ano a ano. O segundo fenômeno é o poder aquisitivo, que favorece a compra. E o terceiro e, talvez, o mais importante é que a percepção das pessoas sobre a utilidade do computador tem crescido”, disse o professor, segundo a Agência Brasil.

Os dados mostram que o número de computadores no País mais que duplicou em quatro anos, uma vez que em 2007 havia 38 milhões de computadores em uso – uma alta de quase 124% frente aos números deste ano.

Penetração e vendas
Apesar de crescente, o número de computadores no País não chega perto do número de computadores em uso nos Estados Unidos, que, até maio deste ano, deve alcançar os 330 milhões de unidades. E enquanto a penetração dos micros chega a 44% da população, no país norteamericano é de 106%.

A penetração dos computadores no mundo é de 36% do total da população. Ao todo, a FGV calcula que existem cerca de 2,5 bilhões de unidades no mundo. No País, são vendidos cerca de 15 milhões de micros por ano, enquanto que nos Estados Unidos esse número alcança os 22 milhões.

Telefones e televisores
Os dados do levantamento mostram que no Brasil são vendidos anualmente 20 milhões de telefones fixos e móveis e 12 milhões de aparelhos de TV. Nos Estados Unidos, são vendidos anualmente 12 milhões de telefones e 20 milhões de televisores.

Até maio, o número de telefones no País deve atingir os 250 milhões e o de TVs, 155 milhões. Considerando fixos e móveis, a penetração dos aparelhos de telefone já alcança os 130%, próximo dos 146% registrados nos Estados Unidos. A taxa de penetração das TVs, por sua vez, chega a 80%. No país norteamericano, ela chega a 129%.