! Itaú Unibanco conclui fechamento de capital da Redecard - 24/09/2012 - InfoMoney
 

24/09/2012 - 16h24

Itaú Unibanco conclui fechamento de capital da Redecard

SÃO PAULO - O Itaú Unibanco (ITUB4) concluiu a OPA (Oferta Pública de Aquisição) das ações da Redecard (RDCD3), informou a BM&FBovespa em comunicado ao mercado enviado nesta segunda-feira (24).

A oferta para cancelamento do registro de companhia aberta movimentou R$ 10,46 bilhões, ao valor de 35,00 por ação RDCD3L. No total foram negociadas 298.989.137 ações ordinárias - ou 89% do pretendido. A instituição pretende adquirir 49,99% da participação do capital total da Redecard, que corresponde a 336.347 milhões de ações ordinárias. Vale lembrar que, atualmente, a instituição já possui 50,01% da Redecard por meio de suas empresas - Banestado Participações, Unibanco Participações Societárias S.A. e Dibens Leasing S.A.

Entenda a OPA
Em 7 de fevereiro deste ano o Itaú Unibanco informou que faria uma oferta pública de aquisição de ações da Redecard, tendo em vista o fechamento de capital da empresa. Logo em abril, a instituição confirmou que o preço a ser pago por ação era de R$ 35,00 por papel RDCD3, confirmando a decisão de condicionar a conclusão da OPA à aceitação ou concordância expressa com o cancelamento do registro por mais de dois terços das ações em circulação. 

O fundo Lazard Asset Management, detentora de 10% das ações da companhia, foi um dos únicos que não se mostraram satisfeitos com o preço a ser pago pelo Itaú para fechar o capital da companhia, tendo até contratado o Credit Suisse spara reavaliar a empresa. Contudo, o avaliador chegou ao veredicto de que o valor justo das ações da Redecard estava entre R$ 34,66 e R$ 38,12, compreendendo os R$ 35 oferecidos pelo Itaú. Por conta disso, o banco manteve sua proposta inicial de aquisição.