! Petrobras e Vale são as maiores empresas da América Latina; veja lista - 10/01/2008 - UOL Economia
 

10/01/2008 - 13h36

Petrobras e Vale são as maiores empresas da América Latina; veja lista

Da Redação

Em São Paulo
A Petrobras e a Vale são as duas maiores empresas da América Latina em valor de mercado, entre as de capital aberto, segundo levantamento feito pela consultoria Economatica.

Em 2007, a estatal brasileira manteve o primeiro lugar, enquanto a Vale passou da terceira para a segunda posição, desbancando a mexicana America Movil, empresa de telecomunicações controlada por Carlos Slim, considerado o homem mais rico do mundo pela publicação financeira de seu país "Sentido Común".

MAIORES DA AMÉRICA LATINA
POSIÇÃO EM 2007EMPRESAVALOR
(em US$ bi)
POSIÇÃO EM 2006
Petrobras (BRA)242,7
Vale (BRA)154,52
America Movil (MEX)104,7
Bradesco (BRA)61,8
Itaubanco (BRA)60
Ambev (BRA)44,4
Banco
do Brasil (BRA)
42.411º
Telefs (MEX)36,3
Wal Mart (MEX)28,6
10ºItausa (BRA)27,314º
13ºSid Nacional (BRA)23,1-
15ºGerdau (BRA)18,222º
16ºUnibanco (BRA)1817º
17ºSantander (BRA)17,5-
22ºEletrobras (BRA)15,119º
24ºBovespa Holding (BRA)13,6-
Fonte: Economática
Se consideradas também as empresas de capital aberto dos Estados Unidos, a Petrobras aparece na quinta posição, à frente de gigantes como Google, Johnson & Johnson, Apple Computer e Intel. Os líderes são Exxon Mobil, General Eletric e Microsoft.

Na lista que inclui os EUA, a Petrobras e a Vale são as duas únicas empresas brasileiras. Todas as demais, entre as 25 maiores, são americanas.

No ranking latino-americano, depois da companhia mexicana, que caiu do segundo lugar para o terceiro do ranking, aparecem outras quatro empresas brasileiras: Bradesco, Itaú, Ambev e Banco do Brasil, nessa ordem. Entre as 25 empresas mais valiosas da América Latina, 13 são do Brasil, nove são do México, duas são da Argentina e uma é do Chile.

O setor bancário em 2007 ultrapassou o de telecomunicações, que, em 2006, era o segmento com maior numero de empresas.

O Brasil era representado por 12 companhias em 2006; o México, por oito; a Argentina, por duas. O Chile, que tinha três empresas na lista, foi o único que perdeu espaço no ranking em 2007.

A Bovespa Holding, que abriu capital no final do ano passado, estreou na lista como a 24ª empresa mais valiosa da América Latina. A oferta de ações da instituição movimentou o maior volume financeiro em um único dia em toda a história da Bolsa de Valores de São Paulo.

As empresas que entraram no ranking das 25 maiores latino-americanas em 2007 são as brasileiras Bovespa Holding, Santander Brasil e CSN, além da mexicana GrupoMexico. As que deixaram o grupo em 2007 são as chilenas Endesa e Enersis e as brasileiras Telesp e Tim Participações.