! Fusão de bancos é prejudicial para sociedade, diz confederação do ramo financeiro - 03/11/2008 - UOL Economia
 

03/11/2008 - 15h51

Fusão de bancos é prejudicial para sociedade, diz confederação do ramo financeiro

Da Agência Brasil
Em Brasília
A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), filiada à Central Única dos Trabalhadores (CUT), considera a fusão dos bancos Itaú e Unibanco prejudicial para a economia, os clientes, os usuários e os bancários.

"A crescente concentração é ruim para os clientes e usuários porque diminui a competição no sistema financeiro nacional, fortalece excessivamente os grandes bancos e diminui a possibilidade de redução dos juros ao consumidor, do spread e das tarifas e taxas bancárias", afirma a Contraf, em nota divulgada hoje (3).

Segundo a confederação, essa concentração é prejudicial porque pode dificultar a redução dos juros bancários e o aumento da concessão de crédito para o setor produtivo da economia. "A grande concentração de recursos e de poder nas mãos de poucos grandes bancos pode acentuar essa tendência, que contraria a razão da existência do próprio sistema financeiro", afirma o comunicado.

A Contraf diz ainda que vai procurar o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para que sejam exigidas dos dois bancos contrapartidas para que a fusão não traga efeitos prejudiciais à sociedade.

Além disso, foram solicitadas reuniões com as diretorias do Itaú e do Unibanco para discutir a fusão e buscar um acordo para evitar que a operação tenha impactos negativos para os funcionários dos bancos e também nas taxas de juros, nas tarifas e na oferta de crédito.