UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/11/2011 - 17h20

Ibovespa reduz queda para 1,9% com notícias da Grécia

SÃO PAULO - Depois de perder quase 4% pela manhã, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) reduziu suas perdas há uma hora do fechamento, na esteira das bolsas americanas. Notícias de que o temido referendo na Grécia possa ir por água abaixo acalmou um pouco os ânimos.

Por volta das 17h00, o Ibovespa tinha queda de 1,91%, aos 57.222 pontos, sendo que o índice futuro do indicador apresentava desvalorização um pouco mais contida, de 1,54%, aos 57.775 pontos.

Segundo a "Dow Jones", cresce a oposição dentro do partido do próprio primeiro-ministro grego George Papandreou contra a convocação de um referendo sobre o plano de reestruturação da dívida do país.

Essa terça-feira começou tensa por conta da repercussão de que as medidas de ajuda à Grécia, tomadas a semana passada por líderes europeus reunidos em Bruxelas, terão de ser aprovadas em um referendo popular no país, ainda sem data definida.

Em Wall Street, as bolsas também reduziram as perdas. O índice Dow Jones registava queda de 1,62%, a 11.761 pontos, o Nasdaq recuava 2,32%, a 2.621 pontos, e o S&P 500 cedia 2.21%, com 1.225 pontos.

A novela grega derrubou as principais bolsas da Europa. O índice FTSE 100 de Londres perdeu 2,21%, para 5.421 pontos; em Paris, o CAC 40 despencou 5,38%, para 3.068 pontos; em Frankfurt, o DAX caiu 5,00%, para 5.834 pontos; e em Milão, o FTSE MIB fechou em baixa de 6,80%, para 14.928 pontos.

(Filipe Pacheco | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host