PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

'Vamos usar tipo de luta dos poderosos: o dinheiro', diz diretor de ONG sobre pedido de R$ 10 mi à XP

19/08/2021 15h33

Entidades dos movimentos negro, feminista e de defesa dos direitos humanos protocolaram, nesta quarta-feira (18), uma ação civil pública contra a corretora XP e o seu escritório credenciado Ável Investimentos, pela falta de diversidade no quadro de funcionários. A ação, à qual o UOL teve acesso com exclusividade, pede indenização de R$ 10 milhões por dano social e moral coletivo e que as empresas cumpram uma série de medidas para aumentar a diversidade. Frei Davi, teólogo e filósofo, fundador e diretor da ONG Educafro, uma das entidades que movem a ação, explica ao UOL News que a decisão de pedir a indenização é uma forma de usar o "instrumento de luta dos poderosos" após décadas de tentativa de diálogo pela equidade e inclusão.