Bolsas

Câmbio

Quer ser trainee? Diretor de banco dá 8 dicas para você

Do UOL, em São Paulo

  • Thinkstock

Entrar no programa de trainee de uma grande empresa é o sonho de muitas pessoas que estão começando a carreira. Justamente por isso, as vagas costumam ser disputadas.

Um exemplo é o programa do Itaú Unibanco, que está com inscrições abertas até 30 de agosto. Na última seleção, foram 20 mil inscritos e apenas 109 selecionados --uma média de 183 candidatos por vaga. Para comparação, foram 72 candidatos por vaga no curso mais concorrido da USP, que foi Medicina em Ribeirão Preto (SP).

Como encarar uma competição tão acirrada? Marcelo Orticelli, diretor de Recursos Humanos do Itaú Unibanco e um dos responsáveis por organizar o programa, listou oito dicas para ajudar quem tem a ambição de virar trainee em uma grande empresa.

1 - Não é só experiência que conta

iStock

A empresa não está, necessariamente, preocupada somente com sua experiência profissional. Muitas vezes, atividades extracurriculares como iniciação científica, participação em congressos, monitoria e empresa júnior falam mais sobre você do que seu último estágio.

2 - Esteja realmente antenado

Thinkstock

Não adianta dizer que lê dois jornais por dia se não sabe o que fazer com as informações. Se consegue levantar três possíveis impactos econômicos da saída do Reino Unido da União Europeia, por exemplo, está no caminho certo.

3 - Pesquise sobre a empresa

Shutterstock

As empresas têm diversas áreas de atuação. Pesquise e converse com pessoas que trabalham no local. Escolher a área errada pode ser crucial para que o candidato seja reprovado.

"Já tivemos um caso em que a pessoa se candidatou para a área de Pesquisas Econômicas do Banco de Atacado sem nunca ter visto um balanço do banco", afirma Orticelli.

4 - Não diga 'eu acho'

iStock

Você não pode achar, você tem que saber. Substitua o acho por: "Na minha visão", "Eu acredito" ou "A melhor solução para esse problema é...".

5 - Saiba trabalhar com as diferenças

istockphoto

Hoje as empresas estão investindo cada vez mais em ter uma equipe diversa. Ter variedade de origens, opiniões e culturas na empresa significa ampliar as perspectivas e pontos de vista para tomar decisões, o que impulsiona a competitividade da empresa.

"Isso inclui diferenças de gênero, orientação sexual, raça, gerações", diz Orticelli.

6 - Seja aberto a novas ideias

Shutterstock

A maioria dos programas tem buscado jovens talentos com espírito empreendedor e que tenham flexibilidade para se readaptar aos cenários, que se transformam constantemente. "Precisamos de jovens abertos a novas ideias e aprendizados, com sede de transformação", afirma o executivo. 

7- Escolha a empresa

Getty Images

O comportamento no mercado mudou e, atualmente, não é só a empresa que seleciona os candidatos. Os próprios candidatos escolhem onde preferem trabalhar. As empresas já se ligaram nisso e a disputa pelos melhores profissionais é intensa, afirma Orticelli.

Por isso, realmente escolha onde você quer trabalhar. Aquela empresa tem o mesmo propósito que o seu? Por que ela merece a sua escolha?

8- Mostre garra e criatividade

Thinkstock

Deixar uma boa ideia ou pergunta de lado pode ser decisivo. Não tenha medo de exibir suas competências para se destacar. "Interagir com quem está entrevistando é muito importante. Na hora, faça perguntas e não apenas responda o que perguntam", diz Orticelli.

Ambev oferece vagas com salário de R$ 5 mil

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos