Bolsas

Câmbio

Temer diz que há tendência de Brasil aceitar cotas dos EUA para aço e alumínio

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Michel Temer afirmou, em entrevista à emissora estatal NBR nesta sexta-feira, que há uma "tendência" de que as empresas brasileiras aceitem as cotas impostas pelos Estados Unidos para o aço e o alumínio brasileiros.

"A posição das empresas é de não perder o mercado americano", disse o presidente, acrescentando que a decisão dos EUA de suspender a negociação, esta semana, e passar a aplicar sobretaxas nas importações --a menos que o Brasil aceite as cotas-- foi "pouco útil".

Temer também voltou a dizer que há uma possibilidade de o Brasil recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) contra as sobretaxas impostas pelos EUA, mas manifestou a esperança de que o Brasil, com o prosseguimento das conversas, consiga negociar melhores condições.

(Por Lisandra Paraguassu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos