PUBLICIDADE
IPCA
1,15 Dez.2019
Topo

Empregos e carreiras


Abercrombie é acusada de prática de contratação discriminatória

Stephen Morrison/Efe
Imagem: Stephen Morrison/Efe

Do UOL, em São Paulo

30/07/2013 06h00

O grupo Defenseur des Droits - entidade oficial de direitos humanos da França - acusa a marca Abercrombie & Fitch de práticas de contratação discriminatórias baseadas na aparência física.

A entidade suspeita que as pessoas contratadas para trabalhar como modelo são as mesmas que atuam na equipe de vendas das lojas.

Sergundo o grupo, a Abercrombie já havia sido condenada por discriminação em processos nos Estados Unidos e Grã-Bretanha.

Conhecida por colocar anfitriões sem camisa na entrada de suas lojas, a empresa causou polêmica por selecionar clientes e funcionários com base no jeito com que se vestiam e até proibiu os empregados de usarem roupas pretas.

A entidade citou uma entrevista realizada em 2006 em que o chefe executivo da marca, Mike Jeffries, disse que a empresa contratava pessoas de boa aparência para atrair clientes de boa aparência.

"Embora a aparência física possa ser um fator determinante para modelos, não é importante para a equipe de vendas", afirmou o chefe da entidade, Dominique Baudis, em um comunicado.

(Com Huffinton Post)

Empregos e carreiras