PUBLICIDADE
IPCA
-0,31 Abr.2020
Topo

Coluna

Carla Araújo


Perfil falso no Twitter usa nome do ministro Braga Netto para atacar STF

Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

Do UOL, em Brasília

11/05/2020 09h15Atualizada em 11/05/2020 10h14

Às vésperas do depoimento dos ministros palacianos no inquérito que investiga as acusações do ex-ministro Sérgio Moro de interferência política do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), um perfil falso no Twiitter com o nome do ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto, e com fotos suas, faz críticas a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

"Exigir que 3 testemunhas de alto escalão do Governo sejam ouvidas ao mesmo tempo não é depoimento, mas ACARIAÇÃO", diz uma mensagem que ainda erra a grafia da palavra acareação. "Convoque-se, então, Sérgio Moro e Valeixo tbm para que seja justo. STF está tendencioso até na hora de coletar possíveis provas", completa o texto.

A mensagem foi postada no dia 9 de maio e já tem mais de 16 mil curtidas e quase 5 mil compartilhamentos. A conta fake tem mais de 3 mil seguidores.

De acordo com a assessoria da Casa Civil, já foi solicitado ao Twitter para derrubar esse perfil falso. Braga Netto é um dos poucos ministros do governo Bolsonaro que não tem conta na rede social.

Após a publicação da nota, a assessoria da Casa Civil informou que conseguiu remover o perfil falso.

Carla Araújo