Bolsas

Câmbio

Vai pedir demissão e quer manter as portas da empresa abertas? Veja 8 dicas

Ricardo Marchesan

Do UOL, em São Paulo

  • Marcos Inoue/UOL

O momento de sair de uma empresa não costuma ser fácil. Mesmo quando está indo para um emprego melhor, é comum o desejo de manter uma boa relação com o chefe e os colegas que está deixando.

Algumas dicas são importantes para deixar as portas da empresa abertas (no fim deste texto, veja os tópicos detalhados):

  • Seja honesto ao comunicar sua decisão
  • Avise o chefe quando receber proposta de outra empresa
  • Escolha o melhor momento para conversar com o chefe
  • Explique os motivos da saída e qual é seu desejo
  • Escreva uma carta de demissão
  • Evite confrontos se o chefe reagir mal
  • Comunique os colegas sobre sua saída
  • Mostre-se disposto a treinar um substituto

"O momento de pedir demissão é tão importante quanto o da admissão. A forma como sai de uma empresa é como será lembrado", afirma a coach Bibbiana Teodori. "As indicações que receberá, ou não, dependem desse momento. Além disso, nunca se sabe quando surgirá uma oportunidade de voltar para a empresa numa posição melhor".

Devo comunicar meu chefe que estou procurando um novo emprego?

Getty Images

Segundo o coach Maurício Sampaio, sim. "Transparência é tudo para ter sucesso em qualquer profissão", afirma. "Mesmo que não arrume um novo emprego, o profissional insatisfeito não vai aguentar muito mais tempo no atual. Corre o risco, inclusive, de ter doenças, como depressão".

Na conversa, deixe claro o motivo de sua insatisfação e o que deseja para sua carreira. Sampaio diz que, muitas vezes, os problemas podem ser resolvidos, e a decisão de sair, repensada.

Se recebi uma proposta para sair, como devo falar com meus superiores?

Thinkstock

"Fale com eles sobre a nova proposta, quais são os pontos que o influenciaram e levaram a fazer essa escolha", afirma a coach Bibianna Teodori.

Ela diz que, nessa conversa, o chefe pode fazer uma contraproposta, como aumento de salário, promoção ou novos projetos. Mas o melhor é não responder na mesma hora. "Dê um tempo para pensar. Lembre-se que essa é uma negociação", diz a coach.

Existe uma hora certa para pedir minha demissão?

Getty Images

Agende um horário para conversar, de preferência em um momento tranquilo para o chefe. Não depois de uma reunião difícil, por exemplo. "Todos vivemos picos emocionais ao longo do dia", afirma Maurício Sampaio. "O melhor é que seja em um momento em que ele esteja calmo ou feliz".

O lugar também é importante. "Não fale sobre o assunto nos corredores ou no café; é imprescindível manter a postura", afirma Bibbiana Teodori.

Como deve ser a conversa quando for pedir demissão?

Thinkstock

Para Teodori, é importante não fazer rodeios ou enrolar muito para chegar ao ponto. Deixe bem claro o porquê de querer sair e valorize todas as coisas boas que a empresa proporcionou. Mostre determinação e certeza do que está falando, mas não use o momento para ficar se queixando.

"Tive um negócio com 50 funcionários e ficava chateado quando investia em um funcionário e ele saía sem me dar explicações. Deixava as portas fechadas para mim", afirma Maurício Sampaio.

A carta de demissão é importante?

Getty Images

A carta com o pedido de demissão não é apenas uma burocracia sem importância; ela serve para que as duas partes estejam cientes das condições e, assim, evita qualquer tipo de confusão.

A coach recomenda fazer uma carta com tom simpático, deixando claro a intenção de se desligar da empresa, os motivos, a disponibilidade de ajudar durante o período de transição. É importante também agradecer por tudo, se colocar à disposição e mostrar vontade de manter contato. "Precisamos lembrar sempre que queremos manter as portas abertas", afirma Teodori.

E se meu chefe surtar?

Thinkstock

É bom se preparar para o caso de a reação do chefe não ser boa, mesmo fazendo tudo corretamente no momento da decisão. Os especialistas aconselham não reagir e manter a cabeça fria.

"Reaja de forma pacífica e, se possível, continue seu trabalho, não dando bola para os cutucões que possa levar depois da conversa ou para a pressão que sofrer. Isso é um tapa de luva de pelica. A pior resposta para um agressor é ignorá-lo", diz Sampaio.

Se a relação desandou de vez, é possível tratar da saída diretamente com o RH.

Posso contar para todos os colegas sobre minha demissão?

Getty Images

Deixe para comunicar os colegas por último, apenas quando sua saída estiver completamente certa. Mas é importante falar com eles, para mostrar consideração.

"Não deixe que seus colegas de trabalho saibam da sua saída pelos outros. Logo após conversar com o seu chefe, avise todos que trabalham com você. Isso é importante para que seja lembrado como uma pessoa com quem valeu a pena trabalhar", afirma Bibbiana Teodori.

Aquele e-mail no último dia, agradecendo a todos e falando que está partindo para "novos desafios", também é uma demonstração de coleguismo.

Conversei com o chefe, agora é só largar tudo, né?

Thinkstock

Não é bem assim. Para manter as portas abertas, é sempre bom deixar tudo ajeitado antes da saída. Termine todas as tarefas ou projetos com os quais tinha se comprometido, e deixe seu local de trabalho arrumado.

Se possível, coloque-se à disposição para ficar o tempo necessário até que seja encontrado um substituto e se disponha a treiná-lo.

Repórter pede demissão falando palavrão

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos