IPCA
0.13 Mai.2019
Topo

Empregos e carreiras


Veja as 20 cidades com mais vagas com carteira assinada neste ano

Maria Carolina Abe

Do UOL, em São Paulo

2019-03-26T04:00:00

26/03/2019 04h00

Em janeiro e fevereiro, o Brasil viu serem criadas 211.474 novas vagas com carteira assinada. Esse número é o saldo, ou seja, a diferença entre contratações e demissões.

O UOL listou as 20 cidades com melhor desempenho na criação de empregos e, dentro dessas cidades, os setores responsáveis pela geração de trabalho. Dessas, cinco são capitais, mas a grande maioria é do interior.

Saldo do emprego formal por município:

  1. São Paulo (SP): +23.991 postos
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+24.149)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-5.649)

  2. Vacaria (RS): +8.076
    Setor que mais abriu vagas: agropecuária (+7.741)
    Setor que mais fechou vagas: serviços de utilidade pública (-2)

  3. Curitiba (PR): +7.538
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+5.646)
    Setor que mais fechou vagas: extrativa mineral (-1)

  4. Belo Horizonte (MG): +7.052
    Setor que mais abriu vagas: construção civil (+4.565)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-2.239)

  5. Brasília (DF): +4.673
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+4.033)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-1.111)

  6. Dourados (MS): +4.650
    Setor que mais abriu vagas: serviços (4.809)
    Setor que mais fechou vagas: indústria de transformação (-199)

  7. Joinville (SC): +4.598
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+2.269)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-201)

  8. Franca (SP): +3.731
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+3.121)
    Setor que mais fechou vagas: agropecuária (-64)

  9. Blumenau (SC): +3.428
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+2.077)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-154)

  10. Caxias do Sul (RS): +3.309
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+1.497)
    Setor que mais fechou vagas: extrativa mineral (-1)

  11. Maringá (PR): +2.444
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+930)
    Setor que mais fechou vagas: administração pública (-4)

  12. Nova Serrana (MG): +2.347
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+2.225)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-18 )

  13. Venâncio Aires (RS): +2.230
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+2.142)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-14)

  14. Itajaí (SC): 2.130
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+722)
    Setor que mais fechou vagas: nenhum fechou vagas

  15. Goiânia (GO): +2.108
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+2.057)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-497)

  16. Jaraguá do Sul (SC): +2.006
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+1.465)
    Setor que mais fechou vagas: extrativa mineral (-2)

  17. Brusque (SC): +1.978
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (+924)
    Setor que mais fechou vagas: construção civil (-32)

  18. Sorocaba (SP): +1.907
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+1.404)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-470)

  19. Campinas (SP): +1.902
    Setor que mais abriu vagas: serviços (+2.086)
    Setor que mais fechou vagas: comércio (-856)

  20. Sertãozinho (SP): +1.613
    Setor que mais abriu vagas: indústria de transformação (831)
    Setor que mais fechou vagas: nenhum fechou vagas

Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) e foram divulgados pelo Ministério da Economia.

O que é o FGTS, como funciona e quem pode sacar?

UOL Notícias

Mais Empregos e carreiras