PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Empregos e carreiras

Podemos terminar o ano sem perder nenhum emprego, diz Guedes

Ministro da Economia, Paulo Guedes, em Brasília -
Ministro da Economia, Paulo Guedes, em Brasília

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

26/11/2020 11h30

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o resultado do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) de outubro, com a abertura de 394.989 vagas de emprego com carteira assinada, é extremamente favorável e que o Brasil pode terminar 2020 "perdendo zero empregos".

"A economia brasileira continua retomando em V, em ritmo acelerado. É perfeitamente possível que 2020 seja um ano marcado pela pandemia, que atingiu tragicamente as famílias brasileira e derrubou os empregos, mas reagimos com resiliência. Podemos terminar o ano perdendo zero empregos", declarou.

Em 2020, até outubro, o Brasil perdeu perdeu 171.139 empregos. Os dados do Caged consideram apenas vagas com carteira assinada. Há uma outra pesquisa, feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que é mais ampla, levando em conta empregos informais.

De acordo com o dado mais recente dessa pesquisa, o desemprego bateu recorde no Brasil em setembro, com 13,5 milhões de desocupados e uma taxa de desemprego de 14%.

Guedes afirmou que o país perdeu "milhões de empregos" em 2015 e 2016, a partir de uma crise econômica que, segundo ele, foi criada pelo próprio governo. Naqueles dois anos, o número de vagas fechadas foi de aproximadamente 1,6 milhão.

O ministro da Economia também disse que o apoio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi fundamental para o enfrentamento da crise econômica.

Empregos e carreiras