PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Empregos e carreiras

Veja três habilidades sociais que as empresas procuram nos profissionais

Do Na Prática*

21/12/2020 04h00

Há cinco conjuntos de competências e habilidades que fundamentam a inteligência emocional, de acordo com o modelo de inteligência emocional de Daniel Goleman, psicólogo referência no tema e autor de diversos livros.

Além de autoconsciência, autorregulação, automotivação e empatia, a inteligência emocional conta com as habilidades sociais, que são o conjunto de capacidades envolvidas nas interações sociais. Segundo o especialista, elas assumem muitas formas, e vão muito além de ser extrovertido, por exemplo.

Elas variam de ser capaz de sintonizar os sentimentos de outra pessoa e entender como cada um pensa até a capacidade de negociação. Todas podem ser aprendidas na vida, contanto que se dedique tempo, esforço e seja perseverante durante o processo.

Para desenvolvê-las, ajuda ter um modelo, alguém que incorpora a habilidade que você quer melhorar para olhar e se inspirar. Também é preciso praticar sempre que uma oportunidade surgir naturalmente.

Por que interessa em todos os ambientes profissionais

O interesse pela inteligência emocional no local de trabalho vem do amplo reconhecimento de que essas habilidades diferenciam profissionais e líderes mais bem-sucedidos da média.

Isso é especialmente verdadeiro em funções em que todos têm que ter o mesmo nível técnico: nesses contextos, como as pessoas gerenciam a si mesmos e seus relacionamentos faz toda a diferença.

Conheça as três habilidades sociais mais valiosas para qualquer ambiente de trabalho. Elas não só fazem de você um profissional mais eficiente e lhe dão mais chance de ter alto desempenho e se destacar, como beneficiam enormemente as organizações. Por isso, costumam ser bastante procuradas em recrutamentos de todas as áreas.

1. Habilidade de comunicação

São vitais em qualquer ambiente de trabalho. Você precisa ser capaz de ouvir os outros, de transmitir seus próprios pensamentos e, até mais importante, seus sentimentos. Da forma certa e levando em conta com quem se está se comunicando.

Bons comunicadores:

  • Praticam a escuta ativa: ouvem com atenção, sem estar apenas esperando sua deixa para "retrucar", e aguardam o outro falar sem interromper. Basicamente, ouvem todo o conteúdo, processam e só então respondem.
  • Certificam-se de que todos entendem o que é dito e buscam o compartilhamento completo e aberto de informações.
  • Sabem receber notícias não tão boas.
  • Lidam com situações difíceis antes de elas piorarem.
  • Agem de acordo com as "dicas emocionais" que os outros dão ao comunicarem-se sobre seus sentimentos.

3. Habilidade de cooperação

Esta habilidade social diz respeito a trabalhar bem com os outros, sendo produtivo e fortalecendo relações. As pessoas que têm altos níveis dela costumam ver a relação com a equipe como fator tão ou mais importante do que a atividade ou a meta.

Eles colaboram ativamente, compartilhando planos e ideias e trabalhando juntos para construir um todo melhor. Ao fazê-lo, promovem um clima cooperativo no qual todos se sentem convidados a contribuir. Além disso, também procuram ativamente oportunidades de trabalho colaborativo.

Com frequência, fazem com que a equipe tenha um desempenho melhor. Aqui, não se trata só de liderança formal, mas de procurar cooperar saudavelmente em qualquer função que se exerça.

3. Habilidade de formar vínculos

É essencial para construir e manter relacionamentos com outras pessoas.

Desenvolver essa habilidade leva você a ter melhores relacionamentos. As pessoas que são boas nisso são grandes networkers, construindo e mantendo uma forte rede de contatos e conexões que lhe ajudam com acesso, suporte, informações etc.

Quem tem boa habilidade de formar vínculos também trabalha em relacionamentos estabelecidos para mantê-los saudáveis.

Uma característica das pessoas que são boas nessa habilidade é que elas têm muitos amigos entre seus colegas de trabalho. É muito sobre a valorização dos outros: estar interessado e querer saber mais sobre eles de verdade.

*O texto "3 habilidades sociais indispensáveis para qualquer profissional" foi originalmente publicado no portal Na Prática, da Fundação Estudar.

Empregos e carreiras