ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Maduro anuncia criação de criptomoeda venezuelana para enfrentar bloqueio dos EUA

Palácio de Miraflores via Reuters
Nicolás Maduro apresenta uma cédula de 100 mil bolívares Imagem: Palácio de Miraflores via Reuters

Em Caracas

03/12/2017 18h59

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou neste domingo (3) a criação do "Petro", uma moeda virtual apoiada na riqueza petroleira do país, para enfrentar o "bloqueio financeiro" dos Estados Unidos.

"Quero anunciar que a Venezuela vai implementar um novo sistema de criptomoeda a partir das reservas de petróleo. A Venezuela vai criar uma criptomoeda, o Petro, para avançar em termos de soberania monetária, para fazer suas transações financeiras e vencer o bloqueio financeiro", disse Maduro em seu programa semanal de televisão.

Além do petróleo, a nova moeda estará vinculada à riqueza de gás e à existência de ouro e diamante, indicou Maduro.

"Isto vai nos permitir avançar em direção a novas formas de financiamento internacional para o desenvolvimento econômico e social do país", afirmou.

O anúncio chega em um momento em que a Venezuela enfrenta sérios problemas de financiamento, depois de que um grupo de detentores de bônus e agências de classificação de risco declarou o país em default parcial, junto com sua petroleira PDVSA, devido ao atraso em pagamentos de capital e juros de títulos da dívida.

Maduro atribui as dificuldades às sanções impostas pelos Estados Unidos em agosto passado, que proíbem cidadãos e empresas desse país de negociarem novas dívidas emitidas pelo governo e pela PDVSA.

Em meio à grave crise no país pela queda dos preços e da produção de petróleo, a moeda venezuelana, o bolívar, sofreu uma desvalorização de 95,5% ante o "dólar negro" no último ano.

Mais Economia